Erotismo e Pornografia

Hoje estou com tanta preguiça… Oops!
Pensei em trazer um capítulo de um dos contos que já andam um pouco atrasados, mas também não me apeteceu muito.
Queria algo diferente – sem ter de pedir ao Ambrósio – por isso, deixo-vos aqui algo para falarmos um pouco.

O Erotismo e a Pornografia.

O que é óbvio demais e o doce mistério.
Onde começa cada um deles e onde terminam – a ténue fronteira entre o erotismo e a pornografia leva a que, existam demasiados preconceitos sobre vários pontos que se encontram nessa linha fronteiriça.
Quem não aprecia o erotismo que se revela em palavras, em gestos, em olhares, em livros, filmes, imagens apelativas e outros tantos exemplos?
Quem não se delicia com aquele «quase tudo revela mas deixa algo por revelar», cabendo à imaginação de cada um, elaborar tudo?

© Sutra 2006

25 comments

  1. Djtuca says:

    Já há muito que andava para dizer algo sobre ti. Acho que és uma mulher com M grande, em que a tua beleza exterior é o significado de uma tranparência perfeita do teu interior. Tens uma sensualidade muito atractiva e que deixa qualquer homem fora de si.
    Já agora entre erotismo e pornigrafia, porque nao se juntao os dois tendo assim o útil e o agradável… fica a imaginação de cada um.
    Bjão Doce

  2. _123_ says:

    Boa tarde,

    Antes de mais, parabéns quer pela qualidade dos textos quer pelas (poucas) imagens, estão muito bem conseguidos.

    Prefiro de longe o erotismo, gosto de ficar a pensar no ou como será o lado “oculto”.
    No entanto isto nem sempre é linear, dias há em que também gosto bastante da pornografia…
    É de facto uma fronteira ténue, cujos limites, no meu caso, dependem um pouco da disposição.

    _123_

  3. Aquarius says:

    O erotismo como exercicio que estimula aquele enorme orgao sexual que temos entre as orelhas.
    A pornografia aquela arte dedicada aos preguiçosos e/ou iletrados que só conseguem/querem ver os desenhos. Pode haver pessimo erotismo e optima pornografia, devemos ser abertos de espirito para entender cada coisa no seu lugar.

    Beijos

  4. Ana e Jorge says:

    Vimos lançar-te um desafio. Que tal a ideia de fazeres um guião para um filme erótico que nós pudessemos filmar lá no Fantasiasa4? Passa por lá e vê.
    Beijos

  5. xkeltos says:

    hummmmm …. belo topico! pra mim o erotismo é o jogo e a pornografia é a taça… passo a explicar: eu e a mha namorada fazemos mtas x é, o xamado jogo erotico. seja por palavras, gestos, segredos, olhares, jantares, sms, etc, pra estimular (como disse e mto bem a aquarius, e passo a citarSmile o grande orgao sexual k temos entre as orelhas. mas ao contrario k disse a aquarius (dsclp, mas nao é nada pessoal), a pornografia é, e sempre fera parte de todos nos, sejamos perguiçosos e/ou iletrados ou nao. pk o erotismo, o jogo, é o tentar seduzir “engatar” e exitar a outra pessoa pro sexo ou, por outra palavras, pra “pornografia”. pra resumir: erotismo é o jogar com a mente e a pornografia é o jogar com o corpo.
    mas, ha outro tipo de erotismo. akele k fazemos pra uma pessoa desconhecida. akele jogo em k nós sabemos k nao ira haver contacto fisico. akela brincadeira k s faz apenas pra nos sentirmos vivos, sabermos k ainda somos desejados por outras/os sem ser a/o pareceira/o. mas isso ja dava outra conversa….

    grande bjo pra ti sutra, e tb pra ti aquarius. nao leves a mal nada do k disse pk nao é pra t ofender…

  6. Carlos says:

    É curioso ou talvez não, mas andava há uns dias a pensar escrever sobre este tema…Escreveste tu, o que afasta do meu horizonte o tema, sobretudo porque em poucas palavras disseste tudo o que eu pensava sobre a questão.Há coisas de facto curiosas…
    Beijo

  7. Masturbatrix says:

    Sou um pornógrafo/eróticAngel…e numa perspectiva de qualidade, repara que disse qualidade.. penso que são as duas caras de uma mesma moeda – o sexo! Ambas igualmente eróticas e pornográficas.
    A diferença é apenas dada pela nossa escala de valores “morais” que atribui ao erotismo um estatuto mais publico e aceitavel enquanto à pornografia uma grande dose de clandestinidade.
    A meu ver, o único meio de eliminar o terrível comichão mental que produz em alguns a pornografia, é dar-lhe tambem, e naturalmente, um estatuto mais público. Agrada-me constactar que para lá se caminha.

    (ah!…invadia a gaveta pk o restante, e no momento, já tinha invasor Smile

  8. Fernando says:

    Para mim, erotismo e pornografia são duas áreas que se complementam. Cada uma tem o seu lugar, o seu momento próprio, mas ambas podem ser muito estimulantes.

    A questão está na qualidade. Nem sempre o erotismo é poesia e inspiração… e nem sempre a pornografia é vulgaridade.

    Para mim, o erotismo é uma arte que não está ao alcance de todos (quer na escrita, quer no cinema, etc…) e traz consigo a magia do oculto, do insinuado, da sugestão, do acender a imaginação e a fantasia… que é algo que tu fazes como ninguém, Su. Wink

    Quanto à pornografia, pode ser também um factor de grande excitação, desde que tenha algum conteúdo (algum enredo) e, sobretudo, desde que seja esteticamente cuidada e os intervenientes deixem transparecer prazer, gosto e entrega nas cenas que protagonizam… em contraposição, abomino o que é feio, vulgar ou que transmite sofrimento ou humilhação.

    Assim postas as coisas, acho que de facto a fronteira é muito ténue e ambas as áreas poderão ser interessantes, dependendo do estado de espírito.

    Adorei reaparecer, Su! Desculpa ter-me estendido um pouco.

    Beijo erótico… Smile

  9. {-Sutra-} says:

    Djtuca, obrigada pelos elogios, é sempre agradável lermos frases assim Wink Razz

    Quanto ao erotismo e pornografia, aliá-los é o ideal Smile

    Beijo doce e volta sempre

  10. {-Sutra-} says:

    _123_ obrigada pelas tuas palavras – e pela resposta sobre o tema – e eu concordo que tudo poderá depender da disposição.
    Mas acrescento – e da companhia também Smile

    Beijo doce

  11. {-Sutra-} says:

    Ana e Jorge, parece que não o vou fazer porque não me parece que o que escrevo tenha a ver com o que habitualmente publicam Smile
    Além disso, o meu tempo é muito escasso.

    Beijo doce e boas filmagens

  12. {-Sutra-} says:

    Aquarius, cada coisa no seu lugar e em cada momento Smile

    Beijo doce

  13. {-Sutra-} says:

    xkeltos, eu só estou na dúvida é se «Aquarius» é uma «ela» ou um «ele» Razz Mas, talvez tu saibas. Smile
    Eu acho que erotismo e pornografia andam quase de mão dada, um pouco em parte pelo que disseste. O erotismo é a atracção pela sensualidade, é o mistério que rodeia as palavras, os gestos, que envolve o desejo do que se quer – a vontade para o sexo. Depois, temos a parte do sexo propriamente dita, mas aí eu não concordo contigo – sexo não é pornografia. O erotismo é direccionado aos sentidos, inflamando vontades, incendiando desejos.
    Pornografia é direccionado à parte física – tesão imediato, não apelando à descoberta, ao mistério, à envolvência.
    Os dois conjugados – o bom erotismo e a boa pornografia – fazem o par perfeito em determinadas situações. Noutras, é o erotismo que prevalece e noutras ainda a pornografia – a boa pornografia, não a reles. Wink

    Beijo doce

  14. {-Sutra-} says:

    Carlos, transmissão de pensamentos? Razz Mas nem compares a forma como tu abordas o tema e como eu o faço. Tu és incomparável e inconfundível Smile
    E eu adoraria ler este tema escrito por ti Smile

    Beijo doce

    ps – espero que o faças na mesma

  15. {-Sutra-} says:

    Masturbatix, não concordo muito com isso, mas são pontos de vista. Eu não acho que seja uma questão de carácter público ou clandestino. É mesmo a forma como ambos – erotismo e pornografia – nos apelam aos sentidos e ao corpo. O erotismo não é algo de óbvio, é suave, insinuante. A pornografia é clara, directa, objectiva.

    Pois, o resto estava ocupado Wink

    Beijo doce

  16. {-Sutra-} says:

    Fernando bem reaparecido, embora já tivesses vindo há poucos dias atrás.

    É isso que dizes sim, tal como eu respondi acima Smile Concordo com tudo Smile

    Beijo doce

  17. Aquarius says:

    Cada um tem o seu ponto de vista e acho que quase todos concordamos que ambos sao bons…tem a sua hora. Eu acho que o que começa bem com erotismo pode acabar melhor se puder ter pornografia no fim….DEpende da oportunidade …e da vontade..
    Sou homem já agora.

    Beijos

  18. Deixo-me uma sugestão cinematográfica que tão bem se aplica a este post: “Lucia y el Sexo” do espanhol Julio Medem. Considero-o dos melhores filmes que já vi!

    Bjs

  19. {-Sutra-} says:

    Aquarius, eu também tinha entendido que eras homem, por isso achei engraçado o Xkeltos te enviar um beijo Razz mas preferi esclarecer LOL
    E sim, são pontos de vista diferentes, mas acabamos todos por concordar que andam bastante ligados e que ambos são necessários Wink em momentos diferentes e dependendo da disposição – e da qualidade de cada um, claro.

    Beijo doce

  20. {-Sutra-} says:

    Duarte, fica anotada a tua sugestão, obrigada Smile

    Beijo doce

  21. Fanonimo says:

    Olá!

    Se calhar ja conheces, mas quero te convidar a ver o site http://www.nerve.com

    acho erotico sem ser pornografico

    Saude!

  22. Rui says:

    Para mim um dos videoclips com mais carga erótica:

    http://www.pcplanets.com/mp.php?id=38409

  23. {-Sutra-} says:

    Fanonimo, obrigada pela sugestão, já está nos favoritos, para depois ver com tempo Smile

    Beijo doce

  24. {-Sutra-} says:

    Rui, eu não o considero assim com tanta carga erótica. É mais sensualidade que erotismo. E sabes que entre o erótico e o sensual a fronteira também é ténue. Smile

    Beijo doce

  25. carpe diem says:

    Se atentarmos na origem das palavras, parece ser muito claro: erotismo vem de Eros, o deus grego do amor e porno vem do grego que significa obscenidade. Mas qual é a fronteira entre o amor e a obscenidade? Acho que tudo depende de quem interpreta e das suas intenções. Deixo aqui o link para um paper esclarecedor sobre o tema em relação ao cinema: http://revcom2.portcom.intercom.org.br/index.php/famecos/article/viewFile/1109/826

    Creio que também se aplica às restantes manifestações artísticas e à literatura, embora neste último caso a imaginação tenha de trabalhar mais para construir imagens, a escrita pode ser bem mais erótica ou pornográfica que as criações gráficas, precisamente porque apela mais à imaginação dos autores e dos leitores para a construção de imagens.

Recent Images Plugin developed by YD